Faditu recebeu vice-presidente da República

Na segunda-feira, 11, a Faculdade de Direito de Itu (Faditu) recebeu o vice-presidente da República, Michel Temer, para o aniversário de 45 anos da instituição de ensino. Além disso, durante a visita, ele ministrou a palestra “Direito Constitucional”, dando início à Semana Jurídica, que seguirá até o dia 15. Participaram da aula professores, alunos e convidados.

Ao abrir os trabalhos, o diretor da Faditu, professor-doutor Mário Duarte, destacou que apesar de ser habitual, as visitas de Temer são, sempre, uma ocasião especial. “Quando ele vem para a faculdade costumamos dizer, o professor está na casa”. Duarte ainda destacou que a faculdade e sua mantenedora sempre o recebem com carinho e, acima de tudo, gratidão. “Por onde ele (Temer) passa, marca de maneira positiva”, enalteceu.

Antes de iniciar a palestra, o vice-presidente relembrou as primeiras aulas que ministrou na Faditu, faculdade que ajudou a fundar. “As aulas eram no tribunal do júri aqui de Itu”, contou. “Quando venho aqui, saio animado, com a alma incendiada para enfrentar os percalços da vida pública”.

Veja outros destaques da Semana Jurídica:

11 de agosto: “Beccaria (250 anos) e o drama do castigo penal – civilização ou barbárie”, palestra conduzida pelo advogado e professor de direito e processo penal Luiz Flávio Gomes, no Instituto Borges de Artes e Ofícios (Ibao), no centro da cidade, às 19 horas.

12 de agosto: o juiz de direito do Tribunal de Justiça de São Paulo e especialista em direito comercial Marcelo Barbosa Sacramone ministrará uma palestra sobre os aspectos dinâmicos do direito empresarial no anfiteatro da Faditu, às 19 horas.

13 de agosto: o promotor de justiça do consumidor Roberto Senise Lisboa abordará a revisão judicial e função social no direito civil, no Ibao, às 19 horas.

14 de agosto: o futuro do judiciário será discutido pelo presidente do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, José Renato Nalini, no Ibao, às 19 horas.

15 de agosto: encerramento com o advogado e professor Eduardo Arruda Alvim, que comentará sobre os aspectos polêmicos do novo código de processo civil no Ibao, às 19 horas.