5 coisas que toda mamãe precisa saber sobre amamentação

Em agosto, voltamos a atenção às mamães e seus bebês! Ao longo deste mês, são realizadas campanhas de incentivo à amamentação, bem como à doação de leite. Abaixo, você confere algumas curiosidades sobre o tema:

1. O leite materno é mais rico do que o leite de vaca.

Minerais como cálcio, ferro, zinco e cobre têm maior biodisponibilidade no leite humano (inclusive quando comparada às fórmulas infantis!).  Sua composição muda com o passar do tempo, adaptando-se ao crescimento e desenvolvimento do seu bebê.

2. Seu filho terá maiores chances de ser bem-sucedido, rico e inteligente.

Duas universidades de Pelotas (RS) dedicaram-se a estudar 3.500 bebês e a evolução das suas capacidades intelectuais pelos 30 anos seguintes. Curiosamente, aqueles que foram amamentados por mais de um ano apresentavam três pontos a mais de QI, 10% melhor escolaridade e renda 33% maior.

3. Para o bebê, mamar é natural e intuitivo.

Quando um recém-nascido é colocado sobre o abdômen da sua mãe, ele mostra uma habilidade surpreendente: em menos de uma hora, consegue encontrar o seio e começar a mamar, por conta própria.

4. Mas, para as mulheres, amamentar pode ser bem difícil. 

Fique tranquila, não há nada de errado com você! Amamentar pode, sim, ser uma atividade dolorosa e cansativa. Os médicos sabem disso e estão sempre prontos para ajudá-la a superar todos os obstáculos que você encontrar pelo caminho. Você não está sozinha nessa!

5. O leite materno proporciona um soninho mais gostoso.

Seu corpo é mais sábio do que você imagina! No começo da noite, você produz leite com mais triptofano, aminoácido usado pelo organismo para fabricar melatonina. Esta, por sua vez, é responsável por ajudar nosso cérebro a relaxar e ter um sono revigorante.