Com doação recebida, ONG Maple Tree Brasil ampliará atendimento a crianças com câncer no Gpaci

Na tarde de 3 de agosto, a ONG Maple Tree Cancer Alliance Brasil recebeu a doação de mais de R$ 80.777,70, arrecadados durante campanha beneficente promovida pelo Empresas do Bem, coordenado pelo Instituto Alexandre e Heloísa Beldi (IAHB). Este montante será destinado à ampliação do programa Maple Kids, que enfoca a reabilitação de crianças e adolescentes com câncer e é desenvolvido no Gpaci (Grupo de Pesquisa e Assistência ao Câncer Infantil).

Para a entrega do cheque simbólico, foram convidados os pacientes assistidos pelo Maple Kids e seus familiares; os embaixadores das quatro empresas que contribuíram com a campanha (Grupo Splice, Facens, Newton e Adimax) e a equipe do IAHB.

De acordo com a mastologista Alice Francisco, dirigente da Maple Tree no Brasil, será possível dobrar a capacidade de atendimento deste braço da ONG. “Graças à colaboração de todos, poderemos assistir um total de 50 crianças, a partir de agora”, explica. “Pode parecer que câncer e exercícios físicos não combinam – mas, na realidade, isto é algo que pode salvar vidas.”

A presidente do IAHB, Thaís Barros Beldi, comenta: “Este projeto foi muito especial, porque abordou a questão do câncer pediátrico. Ele veio com a intenção de promover a generosidade junto aos colaboradores. Vimos, desde o início, que a Maple Tree Brasil é uma ONG extremamente séria, que promove muitas parcerias pela região”.

A gestora de projetos do Instituto, Raquel Barbosa Rogoschewski, afirma considerar este trabalho muito gratificante. “Lidamos com o melhor que as pessoas têm: seu lado generoso, empático e participativo. A sociedade só pode melhorar quando todo mundo fizer sua parte”, relata.

Já Natália Camargo, mãe do pequeno paciente Yuri (11), tece vários elogios ao Maple Kids. “De imediato, ele despertou meu interesse. Fui olhar o Instagram e fiquei encantada. Vi que há até senhoras participando das aulas”, diz. “A família inteira recebe suporte; é uma terapia para todos nós. O acolhimento é ótimo.”

Segundo Andressa Araújo e Renan Andersen Lopes – respectivamente, professora do Maple Kids e coordenador de fisioterapia do Gpaci –, o evento de entrega do cheque trouxe grande alegria. “Esta arrecadação fará muita diferença na vida das crianças atendidas”, enfatiza Andressa. “Isto nos motiva a continuar. Começamos a ver os resultados; que há mais pessoas com vontade de ajudar. Estamos no caminho certo”, pontua Renan.

Mais assuntos relacionados