Sutiã capaz de detectar câncer é criado por jovem mexicano

Aos 18 anos, o mexicano Julian Rios Cantu se tornou o grande vencedor da Global Student Entrepreneur Awards, competição de empreendedorismo universitário.  O prêmio foi merecido: o jovem criou um sutiã capaz de identificar alterações sensíveis nas mamas.

A inspiração por trás do projeto foi sua mãe, vítima de um tumor mamário que levou a uma mastectomia dupla.

Denominada EVA, a invenção foi desenvolvida junto a outros três amigos de Julian, por meio da compania Higia Technologies. A peça de lingerie tem 200 biossensores, que analisam cuidadosamente a pele dos seios e monitora mudanças de temperatura, formato e peso.

O sutiã deve ser usado uma vez por semana, durante uma hora, por mulheres com predisposição genética ao câncer de mama.

 

Ainda não há previsão de quando o produto deve ser disponibilizado à população em geral.